De Serrita-PE para o mundo: nasce um talento chamado João Gomes

De Serrita-PE para o mundo: nasce um talento chamado João Gomes
Foto: reprodução/Instagram

De Serrita, no Sertão de Pernambuco, para o mundo. O cantor João Gomes, 18 anos, vem se destacando ultimamente no mercado musical brasileiro, ganhando cada vez mais espaço, fãs, seguidores, e visualizações nas plataformas digitais da internet. Morando atualmente em Petrolina, é dele sucessos como "Meu Pedaço de Pecado", primeiro lugar na parada viral do “Spotify”, e "Aquelas Coisas".

E foi cantando no coral da igreja que o cantor pernambucano começou a se destacar na música. "Sempre gostei de ouvir música, de uma forma muito natural. Sempre fui muito encantado por tudo que a música transmitia. Mas tudo começou no coral de igreja, quando era menino. Por muitos anos cantei em coral de igreja, acho que até o meus 14 anos. Sou de Serrita e às vezes ia numas pegas de boi, ficava muito encantando com as músicas que tocavam", conta.

João Gomes diz ainda suas referências musicais e que servem de inspirações. “Belchior e Cartola. Gosto de verdade. De coração, os dois são meus favoritos. Mas de referência viva para mim, hoje, é Tarcísio [do Acordeon], Luiz Lins, entre outros”, revela. João disse que sempre sonhou em ser conhecido e que é muito grato à Deus por tudo que está vivendo.

“É tudo mundo novo para mim. Peço muito a Deus sabedoria e discernimento para lidar com todo esse crescimento. Nunca imaginava que fosse acontecer assim, dessa maneira, mas eu sempre confiei muito em Deus, e sei que, se tem coisa boa acontecendo, é tudo graças à Ele. Sempre agradeci por tudo, mas só queria ter essa oportunidade, e ele está me dando. Agora a gente vai trilhar esse barco até quando Deus quiser”, garante o pernambucano que sonha com uma parceria com o compositor Luiz Lins.

Recentemente, João Gomes esteve em Fortaleza-CE, onde se encontrou com grandes nomes como Xand Avião, DJ Ivis, Tarcísio do Acordeon, Vitor Fernandes e Zé Cantor. Ou seja, coisa boa, em breve, deve vir por aí... Vamos aguardar!

@arez.noticias