Bolsonaro rebate Xuxa: “Se você a apoia, peço que nos siga”

Apresentadora pediu para que os apoiadores do presidente deixem de segui-la nas redes

Bolsonaro rebate Xuxa: “Se você a apoia, peço que nos siga”
Imagem: Presidente Jair Bolsonaro e Xuxa, colagem - Foto: pleno News

O presidente Jair Bolsonaro rebateu Xuxa Meneghel, nesta terça-feira (12), após a apresentadora pedir para que os apoiadores do chefe do Executivo parassem de segui-la. Bolsonaro, por sua vez, foi na contramão da declaração da “Rainha dos Baixinhos”, e pediu que quem a apoia o siga, em prol da união do país.

– Se você apoia Xuxa, peço que nos siga. Seria uma satisfação apontar fatos omitidos para que possamos sempre melhorar e unir nosso país – escreveu Bolsonaro em seu perfil oficial do Twitter.

Pleno News

Abrir busca

BRASIL

Cidades

Política Nacional

ECONOMIA

Defesa do Consumidor

Empregos e Estágios

ENTRETENIMENTO

Cultura e Lazer

Música

TV

ESPORTES

SAÚDE

Coronavírus

MUNDO

É FAKE!

OPINIÃO

Aline Rodrigues

André Câmara

Bia Kicis

Carlos Jordy

Eduardo Girão

Edvaldo Oliveira

Elizete Malafaia

Esperidião Amin

Fábio Guimarães

Marco Feliciano

Marisa Lobo

Renato Vargens

PODCASTS

Inspiração Diária

ANUNCIE

facebook twitter youtube instagram parler

Leia também:

X

CPI da Covid deve virar frente parlamentar, avisa Randolfe

Bolsonaro rebate Xuxa: “Se você a apoia, peço que nos siga”

Apresentadora pediu para que os apoiadores do presidente deixem de segui-la nas redes

 

 

Thamirys Andrade - 12/10/2021 18h38 | atualizado em 12/10/2021 19h42

Presidente Jair Bolsonaro e apresentadora Xuxa Meneghel Foto: Colagem Pleno News

O presidente Jair Bolsonaro rebateu Xuxa Meneghel, nesta terça-feira (12), após a apresentadora pedir para que os apoiadores do chefe do Executivo parassem de segui-la. Bolsonaro, por sua vez, foi na contramão da declaração da “Rainha dos Baixinhos”, e pediu que quem a apoia o siga, em prol da união do país.

– Se você apoia Xuxa, peço que nos siga. Seria uma satisfação apontar fatos omitidos para que possamos sempre melhorar e unir nosso país – escreveu Bolsonaro em seu perfil oficial do Twitter.

No sábado (10), a apresentadora havia tecido críticas à gestão Bolsonaro e culpado o presidente pelo avanço da pandemia no país. Na ocasião, Xuxa afirmou que quem descumpre as medidas sanitárias é “genocida”.

– Eu lhe respondo porque estamos em uma pandemia, porque a lei serve para todos, porque assim protegemos as pessoas, porque já morreram 600 mil pessoas, porque precisamos seguir o que os cientistas, médicos e a Organização Mundial da Saúde pede e exige a todos no mundo porque… quem não faz isso, não segue as regras mundiais, é genocida – assinalou.

Ela orientou as pessoas que apoiam o presidente e queiram argumentar contra as medidas sanitárias deixem de acompanha-la nas redes sociais. Aos que concordam, por outro lado, ela pediu que “assinem o impeachment agora”.